1-Para quê Mil palavras!!!




2-Para quê Mil palavras!!!





Os melhores cliques da suiça-2


O NOSSO ALOJAMENTO EM LAUSANNE

href="http://3.bp.blogspot.com/_Jd2p7TR1Ms8/R8alhGPCs6I/AAAAAAAABPY/o6GSsbp3DWg/s1600-h/DSCN0223.JPG">

ESTAMOS NAS MEIAS FINAIS: SPORTING-1 E.AMADORA- 0




BIS DO JAMOR A DISTANCIA DE UM JOGO. Mais uma vez um bom apoio e boa representação na bancada, ao contrario do estádio. Podemos dizer 91 minutos a cantar para te ver ganhar. E assim foi ganhamos! nós fomos quém mais contribuiu para essa vitória, sempre acreditamos. Talvez mais que a equipa. com o campeonato fora de questão, este ano as taças estão na mira. Supertaça já cá mora,taça da liga final, taça de portugal 1/2 final, taça UEFA 1/8 final.



Um golo de Purovic, em tempo de descontos, deu a vitória ao Sporting sobre o Estrela da Amadora (1-0), esta noite em Alvalade. Está definido o quadro das meias-finais da Taça de Portugal: V. Setúbal, FC Porto, Benfica e SPORTING.
Tanto sofrimento e um final feliz para o SPORTING. Numa altura em que já estava à vista o prolongamento, Purovic, num golpe de sorte, colocou a bola no fundo da baliza do Estrela. Um golo que veio materializar a supremacia do SPORTING, em especial na segunda parte, mas não apagou a sua ineficácia atacante. Com Liedson em campo, ainda «cheirou» a golo; depois da saída do levezinho (lesionado), as coisas complicaram-se na frente de ataque. Pressão alta, é certo, mas faltou arte e engenho para chegar ao golo. Também por culpa do Estrela, que defendeu bem, sem abdicar do contra-ataque. Mas a história do jogo seria outra se o SPORTING tivesse carregado mais cedo no acelerador. Não o fez e foi preciso um golpe de sorte para evitar o prolongamento e carimbar passagem às meias-finais da Taça.
A entrada de Izmailov (51 m) abriu a frente de ataque leonina, empurrando o Estrela para o seu meio campo. Assistiu-se a um período de grande sufoco e o SPORTING desperdiçou um punhado de oportunidades para se adiantar no marcador, nomeadamente aos 69 m, quando um cruzamento de Izmailov levou a bola a embater na barra da baliza de Pedro Alves.
A vitória assenta bem ao SPORTING, foi a melhor equipa e a que criou mais oportunidades, mas só pecou por tardia. O Estrela apostou no contra-ataque e esteve à beira de levar o jogo para prolongamento. É uma equipa bem organizada, mas faltou-lhe ousadia para tentar surpreender o leão, mesmo sabendo que não era fácil.
fonte:a bola online

Os melhores cliques da suiça-1





CURIOSIDADES DA SUIÇA

2 ursos num poço uma das principais atrações em Berna
href="http://1.bp.blogspot.com/_Jd2p7TR1Ms8/R8RdsGPCsuI/AAAAAAAABN4/dqb2iVNTvcw/s1600-h/DSCN0211.JPG">

Casa de banho pública em lausanne

href="http://2.bp.blogspot.com/_Jd2p7TR1Ms8/R8RaYWPCsrI/AAAAAAAABNg/F041uw3N_pQ/s1600-h/DSCN0195.JPG">

Internet gratis ao aderir telefone movél e fixo. Esta publicidade é do cantão Françês, vimos identica, mas em alemão no cantão Alemão, possivelmente estará em Italiano no outro cantão, não confirmamos



Um dos vários corredores na fabrica do queijo zona de Friburgo

"Vitima de casamento forçado", será que queriam dizer "violência domestica"!!!

LANÇAMENTO DO CARTÃO S3G - REDE S3G


A TORCIDA VERDE também esteve presente na apresentação e lançamento do novo cartão.

O novo cartão de sócio do Sporting CP – S3G – foi apresentado na manhã de segunda-feira, no auditório do Estádio José Alvalade. Foram inúmeras as personalidades ligadas ao Clube que quiseram fazer parte de um dia histórico.
Filipe Soares Franco salientou que este novo cartão do Sporting CP, na Península Ibérica, é o que mais vantagens dá aos sócios e lançou uma «provocação» aos sportinguistas: "Estamo-nos sempre a comparar com o nosso grande rival, que é o Benfica e não quero com isto ter qualquer atitude de menor consideração com o clube.

Queremos ganhar mais do que o Benfica, queremos ganhar ao Benfica e sermos melhores que o Benfica. O nosso rival diz que tem seis milhões de adeptos e mais de 150 mil sócios. Nós dizemos que temos três milhões de adeptos e 92 mil sócios, mas só perto de 50 mil é que pagam quotas. A provocação é que com os nossos três milhões de adeptos temos de os fazer mais fiéis do que os benfiquistas e temos de ser mais de 150 mil. Aí vamos ser melhores e é isso que queremos ser.

Estamos sempre a dizer que somos diferentes e que somos melhores. Então vamos ser mesmos melhores e vamos ser mais fiéis do que os adeptos do Benfica. Os sportinguistas são mais fiéis ao seu clube do que são os benfiquistas. Daqui a um ano vamos ser mais de 150 mil."
No final da cerimónia de apresentação do cartão S3G, Filipe Soares Franco fez questão de assinalar o momento com a oferta do primeiro cartão a Salvador Marques, sócio número um do Sporting. O dirigente «verde e branco» disse ter a certeza de que "na tarde de hoje vai começar a pontuar".
fonte:www.centenariosporting.com

Setubal -1 SPORTING -0



Mais de uma centena de ultras, bom apoio vocal, mas nem assim a equipa correspondeu!!!

Apesar de entrar bem no jogo, marcando mesmo, aos quatro minutos, um golo que o árbitro anulou mal, o Sporting CP acabou por ceder à tentação de jogar sem alma e deixou o Vitória de Setúbal tomar conta do jogo.

Purovic estaria em ligeiro fora de jogo de posição mas não participou no lance, sendo o golo obtido por Tonel que partiu de posição regular.
Uma vez mais a teoria de que os árbitros favorecem os mais fortes se mostrou não ser verdadeira.

O V. Setúbal marcou o seu golo de um modo estranho, com um remate de longe que, embora forte, Rui Patrício bem poderia ter agarrado. Deixou fugir a bola que parecia dominada, para dentro da sua baliza. Uma infelicidade que o jovem guardião não merecia.
O Sporting CP tentou reagir ao golo sofrido, mas a sua reacção durou pouco tempo porque o Setúbal continuava a criar jogadas de contra ataque que não davam tréguas à defesa leonina.

A partir daí, o Sporting CP não foi capaz de se libertar da “camisa de forças” em que o V. Setúbal o envolveu.

Os jogadores leoninos foram esforçados mas não denotavam ter um esquema capaz de fazer sentir a superioridade que o seu conjunto de jogadores tinha em relação aos jogadores sadinos.
Na segunda parte Paulo Bento fez a primeira substituição. Pedro Silva, a fazer um jogo desastrado, foi substituído por Celsinho que, por sua vez, também fez uma má exibição. O seu jogo não teve qualquer utilidade numa fase em que os leões tinham de ser rápidos, objectivos e poderosos.
Na frente, Purovic era um jogador esforçado mas de pouca ou nenhuma utilidade porque o jogo do Sporting CP se não adapta às suas características. Paulo Bento desfez a dupla que boa conta tinha dado em Basileia, vá se lá saber porquê.

A substituição de Purovic por Tiuí acabou por acontecer, mas em momento em que o Sporting CP em vez de melhorar piorava e era evidente não ter soluções para ultrapassar a aguerrida defesa de Setúbal, em condições de poder marcar. Nas raras vezes em que isso aconteceu, nunca surgiu o remate decidido, antes se perdendo os jogadores em trocas de bola confusas.
Nitidamente, na guerra de treinadores, Carvalhal mostrou a Paulo Bento como se tira partido daquilo que se tem. Para além de uma táctica bem montada e de muita confiança, Carvalhal não tinha muito mais.

Quando, a partir dos 60 minutos, era nítida a quebra dos sadinos, o Sporting CP não soube tirar partido que o levasse a traduzir o seu domínio em golos.
O guardião setubalense foi muito seguro e impediu, em duas ou três ocasiões, que o golo do Sporting CP acontecesse.

Do modo como o jogo decorria, foi sem surpresa que o apito final soou com o V. de Setúbal a derrotar o Sporting CP e Carvalhal, uma vez mais, a mostrar a Paulo Bento como, sem muito ovos, se pode fazer uma boa omelete!

O Sporting CP regressa ao quarto lugar.
fonte:wwww.centenariosporting.com

Fotos Jogo em Basileia

ESTAS SÃO AS FOTOS DO JOGO BREVEMENTE PUBLICAREMOS AS DA VISITA Á SUISSA, ALGUMAS NÃO PODEREMOS MOSTRAR POR CENSURA!!!






TAÇA UEFA: 1/16 AVOS-DE FINAL (2ªMÃO): BASILEIA 0 - 3 SPORTING



BREVEMENTE MAIS FOTOS E DESCRIÇÂO DA DESLOCAÇÃO DA TORVER A SUISSA. MAIS DE 100 ULTRAS NA BANCADA A MAIOR REPRESENTAÇÃO ORGANIZADA SPORTINGUISTA PRESENTE EM BASILEIA.


Com uma desvantagem de dois golos, o Basileia tinha de arriscar no ataque se quisesse vencer esta eliminatória. Mas foi o Sporting CP que entrou mais decidido, envolvendo a defesa Suiça em jogadas de ataque bem urdidas que deram fruto muito cedo.
Moutinho que pôs em campo a sua magia, fez um passe perfeito que Pereirinha aproveitou da melhor maneira, levando a bola até ao fundo das redes do Basileia. A eliminatória parecia definitivamente ganha.
Os suíços reagiram e tiveram oportunidades que um seguríssimo Rui Patrício anulou. Foi enorme na baliza este “puto” do Sporting CP.
Depois o Sporting CP tomou conta do jogo e dispôs de oportunidades que não concretizou.
Pese, embora, o seu evidente domínio, os leões não conseguiram alterar o resultado até ao intervalo.
Depois do descanso, o Sporting CP regressou ainda mais confiante e dominou completamente o seu adversário.
O segundo golo resultou de uma bola que Patrício lançou para longe, chegou a Liedson que, com toda a calma, fez um chapéu ao guarda-redes helvético.
Liedson faria ainda um terceiro golo, o seu segundo nesta partida, fechando a contagem que terminou, no conjunto das duas mãos, com 5 – 0 a favor do Sporting CP.
A partir dos 60 minutos, o Basileia praticamente deixou de existir e o Sporting controlou o jogo de modo a construir, ainda, jogadas perigosas de que poderiam ter resultado mais golos.
Um jogo muito bem jogado pelos leões que deixaram bem marcada a sua superioridade, tal como o tinham já feito em Alvalade.
fonte:www.centenariosporting.pt

VAMOS APOIAR O SPORTING!



VAMOS APOIAR O SPORTING!
NÓS ESTAMOS LÁ!
FORÇA SPORTING!


FC BASILEIA - SPORTING CP
Dia 21.02.2008
20h
SIC
Estádio St. Jakob - Park, Basileia



19 convocados para a deslocação à Suíça

Paulo Bento convocou 19 jogadores para o jogo da segunda-mão dos 16 avos-de-final da Taça UEFA, frente ao Basileia. O encontro realiza-se na quinta-feira, às 20h00 (hora de Lisboa), no Estádio St Jakob Park. Conheça a lista de convocados.

Guarda-redes: Rui Patrício e Stojkovic.
Defesas: Abel, Pedro Silva, Tonel, Polga, Paulo Renato, Gladstone, Ronny e Grimi.
Médios: Miguel Veloso, Pereirinha, Moutinho, Farnerud, Romagnoli e Celsinho.
Avançados: Purovic, Tiuí e Liedson.

A comitiva do Sporting CP será liderada por Filipe Soares Franco, seguindo também viagem o vice-presidente do Conselho Directivo, Miguel Ribeiro Telles, e o administrador da Sporting, SAD, Pedro Mil-Homens. Integrarão também a comitiva Miguel Salema Garção, director geral de comunicação e relações públicas, Maurício do Vale, Pedro Barbosa, Eurico Gomes, Paulo Bento, Carlos Pereira, Ricardo Peres, João Aroso, Leonel Pontes, Gomes Pereira, Mário André, Sérgio Candeias, Paulo Almeida, Paulo Rosário, Fernando Altino e Paulo Gama.

SPORTING CP 2 - 0 E. AMADORA


Como se tornou hábito, o Sporting CP entrou de mansinho no jogo, permitindo ao Estrela algum domínio durante o primeiro quarto de hora.
O Sporting CP dominou após os primeiros 15 minutos da 1ª parte
Depois, o Sporting CP tomou conta do jogo obrigou o Estrela a defender mais próximo da sua grande-área.
Aos 17 minutos Moutinho dominou a bola na zona central do campo, aproximou-se um pouco e, a pedido de gritos “chuta... chuta”, decidiu-se pelo remate. Bem colocado, fez a bola descrever um arco acentuado que tornou impossível a defesa de Nelson.
O capitão João Moutinho fez um grande golo aos 17 minutos
O domínio do Sporting CP não fez dilatar o resultado que chegou ao intervalo com a marca de 1-0.
Celsinho que entrou de início neste jogo, começou muito bem e teve algumas jogadas em que mostrou talento. Mas, com o decorrer do tempo, foi-se apagando e acabou substituído no início da segunda parte, por Romagnoli.
Na segunda parte, já com o Estrela reduzido a 10 jogadores, com a expulsão de Hélder Cabral aos 40 minutos, o Sporting CP dominou, porém sem se esforçar e, em consequência, sem traduzir em golos o seu domínio.
Aos 55 minutos, Tiuí recebe a bola e isola-se, ficando sozinho em frente de Nelson que, atirando-se aos pés do avançado leonino, provocou uma grande-penalidade. Em consequência foi-lhe mostrado o cartão vermelho, ficando o Estrela apenas com nove jogadores.
Tiui foi rasteirado por Nelson, que recebeu ordem de expulsão
O domínio do Sporting CP era constante mas, em vez de tentar o golo, os leões geriam apenas a vantagem de que desfrutavam, numa evidente economia de esforços.
Abel recebeu o 5º cartão amarelo e não vai poder jogar o próximo jogo. Acabou substituido aos 68 minutos por Pedro Silva, que voltou à competição
Foi aos 77 minutos que, aproveitando um erro do guarda-redes, Liedson marcou o segundo golo, o seu primeiro com as novas botas onde se pode ler “levezinho”.
Liedson sai do jejum para a liga e coloca o resultado final em 2 a 0
Voltou aos golos, após 9 jogos, da Liga, em jejum e colocou o resultado final em 2-0.
O Sporting CP está de volta ao 3º lugar em consequência da derrota do Guimarães na Madeira.
fonte:www.centenariosporting.com

MARIAN HAD RESCINDIU CONTRATO E VOLTOU AO LOKOMOTIV DE MOSCOVO


Marian Had já rescindiu o contrato que o ligava ao Sporting CP por empréstimo e irá voltar a jogar no Lokomotiv de Moscovo, clube detentor do passe.

O lateral abandonou Lisboa esta ontem, e irá juntar-se ao plantel russo na Turquia, país onde o Lokomotiv está em estágio.

O eslovaco foi muito pouco utilizado por Paulo Bento e com a chegada de Grimi, e imediata inclusão no onze, ficaram ainda mais reduzidas as hipóteses de Had no plantel leonino. Esta sexta-feira o lateral terminou a curta ligação ao Sporting CP e irá preparar-se para o arranque da época no Lokomotiv de Moscovo, no próximo mês de Março.

Veja os números de Marian Had na Liga:


Marian Had

Nome completo: Marian Had
Data nascimento: 1982 / 09 / 16
Nacionalidade: Eslováquia
Equipa: Sporting
Número: 3

Superliga



Jogos
5


Jogos a titular
2


Jogos como suplente utilizado
3


Jogos como suplente não utilizado
4


Minutos em jogo
177


Total de pontos
8


Média de pontos
1.60


Nº de cartões
0


Golos
0



16.02.2008

fonte:www.centenariosporting.com

Futsal:ALPENDORADA 8 - 1 SPORTING: DESASTROSO


O Sporting Clube de Portugal hoje esteve infeliz.

São daqueles jogos que acontecem às melhores equipas. Sem perder desde Outubro, o Sporting CP não conseguiu contrariar a grande arma do Alpendorada, o contra-ataque.

Quando o resultado atingiu os 5 a 1, ao intervalo, Paulo Fernades tentou utilizar o 5X4, com Café como guarda redes avançado, mas os atletas leoninos estiveram desastrados na finalização. Remates sem direcção, bolas perdidas em situações proibidas e ao invés de diminuir a distância, foi o Alpendorada que aproveitou para marcar mais 3 golos.

O Alpendorada só teve 33% de posse de bola, mas com 5 contra-ataques vitoriosos e 2 golos de bola parada, tiveram uma eficácia que o Sporting CP não conseguiu contrariar.

Agora o campeonato vai parar durante 2 semanas, devido à deslocação da selecção nacional a Kusadasi, Turquia, para jogar a 1ª fase do apuramento para o Mundial.

Este tempo é fundamental para digerir este mau resultado e recarregar baterias para o restantes das competições.

Como Paulo Fernandes disse no final: " O Sporting CP é das poucas equipas que só depende de si para ganhar todas as competições em que se encontra".
fonte:www.centenariosporting.com

Juniores: Sporting, 7 - Louletano, 0


O Sporting goleou o Louletano por 7-0 na Academia Sporting/Puma e mantém-se na liderança do Nacional de juniores.

Os comandados de José Lima foram uma equipa muito sólida e souberam ser pacientes na construção da goleada sobre a equipa algarvia. Marco Matias personificou a superioridade «leonina» logo aos 11 minutos, num contra-ataque rapidíssimo gizado por Diogo Viana e André Santos.

O Louletano surgiu muito organizado no relvado da Academia, conseguindo anular os pontos fortes do Sporting com grande coesão defensiva, mas falhou redondamente no capítulo da finalização.

Rosado e Owuso foram encostando o adversário à sua retaguarda, com remates da meia distância, mas seria o capitão André Santos a acertar no alvo, para o 2-0, num lance de insistência pelo centro do terreno de jogo. A poucos minutos do descanso, em mais uma lição de contra-ataque, Owuso aproveitou a assistência de Diogo Rosado para ganhar espaço a finalizar da melhor maneira para o 3-0.

O Louletano ainda tentou esboçar uma reacção à entrada para o segundo tempo, mas o quarto golo dos «leões» não tardou. Em mais um lance de insistência e de confuso na área algarvia, Diogo Amado encontrou o caminho do golo. A goleada acentuou-se ao minuto 83, através do recém entrado Wilson Eduardo que colocou o placard em 5-0 com um chapéu perfeito sobre o guarda-redes algarvio. Perto do final, o avançado «leonino» passou de finalizador a assistente, dando o sexto tento ao defesa-central Vinicius Golas, e no último lance de ataque, Marco Matias bisou com classe fazendo o sétimo golo do Sporting.

Na próxima jornada, os «leões» deslocam-se ao terreno do Oeiras.

fonte:www.sporting.pt

SPORTING - E. AMADORA _ Confirma o teu apoio



Porque nunca nos rendemos, embora sejamos realista o 2º lugar e o acesso directo a liga dos campeões está ao nosso alcance. Para tal a tua presença é indispensavel para que o nosso apoio seja decisivo para somar mais 3 pontos.
Confirma já o teu apoio, contacta o teu responsável de núcleo.
O SPORTING precisa do teu apoio 90 minutos, vamos demontrar, mais uma vez, o nosso SPORTINGUISMO.
ATÉ MORRER!!! SPORTING ALLEZ...


Estádio José Alvalade
17.02.2008
21h15
SPORTTV1


A Comissão de Arbitragem nomeou o árbitro Artur Soares Dias, do Porto, para o encontro Sporting - Estrela da Amadora, que terá lugar pelas 21 horas e 15 minutos no próximo domingo no Estádio José de Alvalade, a contar para a 19ª jornada da principal liga portuguesa.

O juiz de 29 anos do Porto, terá como assistentes João Silva e Rui Licínio

TAÇA UEFA: 1/16 (1ªMÃO): SPORTING 2 - 0 BASILEIA - JOGO 200 NAS COMPETIÇÕES EUROPEIAS


SOMOS O UNICO CLUBE PORTUGUÊS QUE NUNCA FALHOU UMA PROVA EUROPEIA


A torcida Verde mais uma vez bem representada na bancada cerca de três centenas de ultras, ao contrario do estádio.Bom Apoio durante os 90 minutos, também incentivado com o 1º golo ao oitavo minuto. A coreografia inicial, foi muito participada pelos sócios levantado bandeiras que foram feitas especialmente para este jogo.

Os suiços, fisicamente muito fortes e muito rápidos, obrigaram o Sporting CP a uma contenção porfiada nos primeiros vinte minutos do jogo.
Mas foi neste período, aos 8 minutos que o Sporting CP, num contra ataque muito rápido marcou o seu primeiro golo. Uma entrada rápida de Romagnoli pela esquerda seguida de um centro atrasado para Vukcevic que remata forte para o fundo da baliza.
Mas foi depois dos vinte minutos iniciais que o Sporting CP se livrou definitivamente da pressão dos suiços.
A partir de então, o Sporting CP foi dominador e não causaria qualquer escândalo se, ainda na primeira parte, tivesse marcado o seu segundo golo. Pelo menos duas oportunidades flagrantes aconteceram, sendo de destacar uma jogada de Izmailov que, por muito pouco, não teve um final feliz.
A primeira parte terminou com o Sporting em vantagem por 1-0.
Na segunda parte, os leões continuaram a exercer forte domínio apesar de uma ligeira reacção dos helvéticos durante os primeiros minutos.
O domínio do Sporting CP justificava já uma diferença mais dilatada, mas foi apenas aos 58 minutos que o segundo golo aconteceu, de novo por intermédio de Vukcevic.
Até final do jogo a toada da partida foi de constante domínio sportinguista entrecortado por algumas avançadas do Basileia que, porém, nunca foram bem sucedidas.
O Sporting CP perdeu uma excelente oportunidade para golear o adversário.
Mesmo assim, a vantagem de dois golos é confortável e, perante a diferença de qualidade manifestada, deve estar assegurada a passagem à fase seguinte.
Izmailov e Vukcevic que fizeram boas exibições, foram substituídos por Pereirinha e Tiuí, sem dúvida por uma questão de gestão de esforço, ainda que o segundo tenha sofrido um percalço numa tentativa de remate aparatoso, que pode ter provocado uma luxação do ombro, podendo ter uma paragem até 3 semanas.
A vitória do Sporting CP peca, apenas, pela expressão numérica que não corresponde ao domínio que exerceu nem à superioridade que demonstrou.
Fonte:www.centenariosporting.pt

"Apito Encarnado" empurra Lampiões



Tarja que a TORCIDA VERDE levantou em plena LIXEIRA, o nosso alerta já data de muitos anos atrás!!!


A Federação Portuguesa de Futebol (FPF) nomeou Augusto Duarte para o jogo Benfica-Paços de Ferreira e o árbitro de Braga não se fez rogado. Munido de uma espécie de "apito encarnado", impediu que o Paços de Ferreira traduzisse em mais golos o seu domínio de jogo inicial e mandou marcar duas grandes penalidades inexistentes (na primeira, a mais importante, nomeadamente por ter sido aos 40' e ter dado o empate a um golo, Rodríguez chuta o relvado e cai sozinho, e, na segunda, Makukula e Tiago Valente agarram-se mutuamente), que proporcionaram ao Benfica a reviravolta no marcador. Depois, a jogar contra dez, o Benfica encontrou espaço suficiente para chegar ao 4-1 final e continuar na Taça de Portugal, enquanto o seu treinador, José António Camacho, viu os seus pulmões revigorados com mais um balão de oxigénio. Resta acrescentar que Augusto Duarte, que há anos não entrava no Estádio da Luz, é o mesmo árbitro que, nesta segunda-feira, deverá começar a ser julgado no âmbito do processo "Apito Dourado", no qual é acusado de corrupção, sendo público que terá recebido dinheiro de gente ligada ao FC Porto. Uma nomeação escandalosa, provando claramente que a FPF continua a brincar ao futebol.
fonte O Leão da Estrela

SPORTING - FC BASILEIA -confirma o teu apoio



1/16 AVOS FINAL da TAÇA UEFA
Dia 13.02.2008
20h45m
SIC
Estádio José Alvalade

Confirma já o teu apoio,no principal objectivo da nossa equipa...
Contacta já o teu responsavel de núcleo e contribui no apoio 90 minutos!!!
Da nossa mobilização, e do teu apoio vai resultar um resultado positivo rumo a final da Taça UEFA!!!

SPORTING 10 E. BENFICA-1


UM PASSO EM FRENTE

Num jogo totalmente dominado pelo Sporting CP, ante um adversário da série «C» do «Nacional» da III Divisão, os factos de relevo foram a estreia de Dionísio, culminada na marcação de um golo e o rodagem de jogadores menos rotinados nesta equipa.

Com uma entrada de leão o Sporting CP foi dilatando o resultado e ao intervalo já tinha marcado cinco golos.

Na segunda parte, Paulo Fernandes rodou jogadores como Diogo Santos, Jorge Fernandes e Dionísio. É importante dar tempo competitivo aos atletas e Paulo Fernandes aproveitou muito bem este jogo para alcançar esse objectivo.

Foi um jogo agradável, com um vencedor antecipado, onde, mesmo assim, não faltou a entrega dos jogadores leoninos, dignificando o clube e o seu adversário.

Alinharam e marcaram pelo Sporting CP:

Cristiano Parreiro; Deo (2), Davi, Alex, Café (3), Evandro (2), Zezito, Diogo Santos (2), Bibi, Jorge Fernandes e Dionísio (1).

O sorteio da quarta eliminatória realiza-se no dia 18, no Auditório «Manuel Quaresma», na sede da Federação Portuguesa de Futebol.

Apurados para a fase seguinte:

Sporting CP
Fundação Jorge Antunes
Boticas
Onze Unidos
Belenenses
Moinho da Juventude
Instituto D. joão V
Merelinense
NS Tires
Módicos Sandim
Fontainhas
Freixieiro
Olivais
AAUTAD/Realfut

Lista dos convocados:

Benedito, Cristiano, Evandro, Dionísio, Diogo, Zézito, Bibi, Djo, Deo, Alex, Davi e Café.

FORÇA SPORTING CP!

fonte centenario sporting

Sporting 2 - 1 Marítimo - Let´s work






Cerca de de 2 centenas de ultras foi acima de tudo uma bancada bem composta, ao contrario do estádio. A nossa coreografia vamos trabalhar! e sem duvida a base para o sucesso da equipa. Sem trabalho nada se alcança, é assim na vida, no mundo ultra e na nossa equipa de futebol.Agora também se lança um repto aos adeptos e sócios do SPORTING, com esta mobilização para ir apoiar (menos de 10.000 espectadores), o nosso estatuto de melhor adepto do mundo, está a ir por água a baixo. Assim cada vez mais somos iguais aos outros.

Mais uma eliminatória ultrapassada

Logo de entrada, o Sporting CP pareceu corresponder ao pedido da Torcida Verde: Let’s work” e, ainda não tinham decorrido quatro minutos de jogo, marcava o seu primeiro golo por intermédio de Tonel que, de cabeça, introduziu a bola na baliza dos madeirenses.
Pena foi que o leão “adormecesse” quase de seguida, como que refreando o seu esforço, para voltar a acordar depois do golo do Marítimo, este resultado de um conjunto de erros da defesa sportinguista.
O segundo golo do Sporting aconteceu aos 42 minutos de um modo natural num período de jogo em que o Sporting estava dominador. Marcou-o Liedson que, assim voltou aos golos.
Na segunda parte aconteceu mais equilíbrio do que na primeira e terminou sem golos, sendo o resultado final o que foi construído na primeira parte.
O “onze” inicial do Sporting CP apresentou diversas alterações em relação à formação habitual, com Adrien Silva, Celsinho, Tiuí e Grimi, este último em estreia absoluta.
Também, em termos tácticos, a equipa jogou um pouco diferente do habitual, num claro 4x4x2.
Numa equipa habitualmente com uma média de idades muito baixa, entraram quatro jogadores muito jovens também. Foram as mudanças anunciadas por Paulo Bento, ainda que no banco se encontrassem jogadores mais rodados que, em caso de necessidade, poderiam entrar.
A vitória do Sporting CP é perfeitamente justa, ainda que sem demonstrar, sobretudo na segunda parte, uma superioridade muito notória.
É de realçar o jogo muito esforçado de Liedson.
De realçar é, também, o estilo de Bruno Paixão a quem o verde parece continuar a ofuscar sendo por isso, talvez, que não utilizou um critério uniforme no modo de marcar e de punir as faltas. Não se pode dizer que tenha marcado contra o Sporting CP faltas que não foram, mas deixou de marcar contra o Marítimo faltas evidentes, algumas merecedoras de cartões amarelos que guardou exclusivamente para os jogadores leoninos.
A passagem à eliminatória seguinte da Taça de Portugal é totalmente justa.
fonte:www.centenariosporting.com

Ainda hoje Reportagem da deslocação à Madeira!!!! Torcida Verde Loures ; Contactos : Tm: 912122740 , E-mail : torverloures@gmail.com

 
Cheap Web Hosting | Top Web Hosts | Great HTML Templates from easytemplates.com.